Compartilhando esses maravilhosos e curadores sons de nossa ancestralidade:

Essa é Galba, a última xamã tuva da Mongólia. Esse é o som para a limpeza dos chakras. (aqui)

Didjeridoo com tambor xamânico para jornada. (aqui)

Tambor xamânico com som gutural de xamãs tuva. (aqui)

Tambor xamânico para jornada. (aqui)

Aproveite essa conexão para suas jornadas e meditações.

Gratidão,

Tatiana Menkaiká